Cursos/Oficinas, Espetáculos, Notícias

Parceria de coreógrafo brasileiro e alemão resulta no mito de Orfeu descrito em dança e visto através de espelhos

De 15 a 18 de dezembro, o projeto What About Orfeo + Ó traz dois espetáculos inspirados no mito de Orfeu: What About Orfeo, nos dias 15 e 16, com a companhia alemã CocoonDance, e Ó, nos dias 17 e 18, com a Cristian Duarte em companhia. Um workshop e um bate-papo também integram a programação.

A motivação para a criação surgiu a partir da pergunta: “E se Orfeu fosse vibração?“. Para os coreógrafos Cristian Duarte e Rafaelle Giovanola, Orfeu não foi apenas um tema para suas mais recentes criações. Foi convulsão, produzindo, além de transformações nos campos de trabalho e pesquisa de cada um, uma pergunta e um enigma agudo para chamarem de espetáculos.

Para quem está familiarizado com o mito, não é difícil compreender tal possibilidade vinda de um personagem que tem a música como sua principal ocupação e ferramenta para acessar outros mundos. Orfeu, argonauta grego, tocava lira e junto dela convenceu Caronte, o barqueiro do rio Estige; adormeceu Cérbero, o cão de três cabeças; e finalmente chegou ao trono de Hades, deus dos mortos, para trazer de volta a luz sua amada Eurídice. Fracassou em sua missão, todavia, feito onda, permaneceu reverberando inquietações até chegar aos dias de hoje.

Os espetáculos desenham juntos distintas maneiras para questionar: “E se a vibração fosse um modo de existência que torna possível transportarmos tudo aquilo que é necessário ser mobilizado de um lugar para outro lugar? Eurídice pode nos ajudar, assim como olharmos para trás.”

what-about-orfeu_cocoondance
Bailarinos da CocoonDance em cena de ‘What abort Orfeo?’

Em ‘What About Orfeo?’, nova produção da CocoonDance, a Cia mostra como visualizar o desejo num conceito inteligente. A obra está repleta de truques, um deles é que não há contato visual entre performers e público, mas devido ao fato que todas as pessoas na plateia seguram um espelho em suas mãos, todos assistem a todos. Vê-se para onde se move o olhar do vizinho. Um jogo de encenação com o gesto teatral e um encontro direto que se torna uma experiência no sentido de performance são as formas de expressão que são aqui parte de uma troca constante entre todos.

Rafaele Giovanola e Christian Duarte como diretores e Reinald Endraß na concepção abordam as grandes questões relativas à arte da dança ao mostrar que a ela oferece a possibilidade para um encontro de corpos que, enquanto está acontecendo, já se refletiu em nosso olhar. Pensamentos e experiência podem se fundir num modo que nenhuma outra arte permite. Mesmo se o divino cantor Orfeu pudesse olhar para trás e assim selar seu destino, aqui, o olhar para o espelho marca o início de um diálogo entre proximidade e distância, privacidade e vida pública, e finalmente um jogo sedutor durante o qual nós mesmos nos tornamos o centro da atenção.

Já em ‘Ó’, a coreografia dirigida por Cristian Duarte está dentro do contexto da residência artística Lote Osso, a quarta edição do projeto Lote, no qual o coreógrafo vem desenvolvendo sua pesquisa em dança desde 2011. A criação foi realizada com subsídio da 17º Edição do Programa Municipal de Fomento à Dança para a cidade de São Paulo em cooperação com a companhia alemã CocoonDance (Bonn). Seguindo sua investigação pelo minimalismo na dança e pela sensorialidade do movimento, Cristian manifesta a vontade por estabelecer uma dramaturgia tátil através da modulação incessante de percepção e afeto.

what-about-orfeu_cocoondance2Além dos dois espetáculos, os coreógrafos Cristian e Rafaele ministram um workshop no dia 13/12, abordando os princípios que motivam e fundamentam suas criações. Após o workshop haverá um bate papo com a dupla sobre o tema “O que pode haver de comum entre nós outros?”.

R$ 30,00 (inteira); R$ 15,00 (aposentado, pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e servidor da escola pública com comprovante); R$ 9,00 (trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo credenciado no Sesc e dependentes).


O que: espetáculos ‘What About Orfeo? + Ó’
Quando: What About Orfeo? | 15 e 16/12, às 20h30
Quando: Ó | 17 e 18/12, sáb, às 20h30 – dom, às 17h30
Quanto: R$ 30,00 (inteira)
Onde: Sesc Belenzinho
Onde: Rua Padre Adelino, 1000 Belenzinho | São Paulo-SP
Informações: (11) 2076-9700 | www.sescsp.org.br/belenzinho


O que: Workshop – Dramaturgias táteis – com Cristian Duarte e Rafaële Giovanola
Quando: 13/12, das 15h às 18h
Quanto: gratuito/vagas limitadas
Onde: Sesc Belenzinho
Onde: Rua Padre Adelino, 1000 Belenzinho | São Paulo-SP
Público: profissionais e interessados com experiência em artes cênicas
Inscrições: até dia 09 de dezembro
Enviar currículo resumido para cristianduarte@belenzinho.sescsp.org.br
* Os candidatos selecionados serão avisados por e-mail até 11/12


O que: Bate papo – O que pode haver de comum entre nós outros?
Quando: 13/12, das 19h às 20h
Quanto: gratuito (retirada de ingresso 30 minutos antes)
Onde: Sesc Belenzinho
Onde: Rua Padre Adelino, 1000 Belenzinho | São Paulo-SP
Público: profissionais e interessados com experiência em artes cênicas
Informações: (11) 2076-9700 | www.sescsp.org.br/belenzinho

Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Send this to a friend