Ler, Ver e Ouvir, Vídeos Indicados

Rio de Janeiro entra para o mapa mundial do projeto “I Charleston the World”

A cidade do Rio de Janeiro agora também faz parte do mapa mundial de divulgação das swing dances do projeto “I Charleston the World”, que visa resgatar este ritmo que foi uma febre em todo o mundo nos anos 20. A proposta é criar vídeos de pessoas dançando em pontos turísticos famosos de sua cidade, e locações para isso, com certeza, o grupo de dançarinos cariocas não teve dificuldade em encontrar na cidade que é cartão postal do Brasil.

O I Charleston Rio foi uma iniciativa da equipe do Shake That Thing Dance-a-Thon, que produziu inicialmente uma maratona de dança e um leilão de talentos para arrecadar o valor de produção do vídeo, e pretendem fomentar mais projetos de divulgação das swing dances em breve.

Ao todo foram três dias de gravação em 15 locações diferentes, com 48 dançarinos, sem contar a participação especial, na cena final com os créditos do vídeo, de lindy hoppers de São Paulo, Belo Horizonte, Buenos Aires, da sueca Mika Hellsten e do francês Nico Deniau, que estavam no Rio participando do festival Sugarloaf Stomp 2017, promovido pelo grupo Lindy Riot.

A coreografia é de Cinthia Addams e Gabriela Novellino.

Confira o vídeo:

I Charleston the World no Brasil

Destaque em matéria aqui no Dança em Pauta, a primeira cidade da América Latina a entrar no mapa do projeto foi São Paulo, que, em 2013, foi representada em uma parceria da cantora Bluebell com o grupo HopAholics. Já o vídeo de Charleston que apresenta os pontos turísticos de Belo Horizonte entrou para o projeto em 2015 e, no mesmo ano, os mineiros conquistaram com o vídeo o 3º lugar no 7º Jazz Dance Film Fest, realizado em Seattle, EUA.

Na página do projeto é possível acessar um mapa mundial com as cidades de todo o mundo que já produziram sua versão do “I Charleston”, bem como os links para os vídeos.

Previous ArticleNext Article
Diretora do portal Dança em Pauta | Jornalista formada pela Universidade Tuiuti do Paraná, atuando na área desde 1997 como repórter, redatora e assessora de comunicação. Trabalhou em publicações segmentadas na área de entretenimento e cultura em Curitiba-PR, Maringá-PR e São Paulo-SP. Em 2010, lançou o portal Dança em Pauta com a proposta de empregar seu conhecimento em comunicação para divulgar a dança. É coautora do livro “200 anos de Dança de Salão no Brasil – Volume 4” (2012), organizado pelo pesquisador Marco Antonio Perna.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Send this to a friend