Notícias, Videodança

Nave Gris: videodança aborda relação com as águas e poder ancestral feminino

De 29/07 a 15/08, a Nave Gris Cia Cênica apresenta temporada da videodança “Corredeira”, trabalho solo interpretado pela bailarina e diretora artística da cia, Kanzelumuka. A obra trata das águas que correm para o mar e sua relação com o poder ancestral feminino. As imagens, gravadas em diversas regiões de São Paulo, percorrem lugares marcados pela presença das águas sob a forma de nascentes, rios visíveis e invisíveis.

Concebida a partir do solo homônimo, a coreografia foi recriada para o vídeo partindo da estrutura da dramaturgia original do espetáculo e mantendo o propósito inicial do projeto de materializar a relação com as águas. Para isso, contou com o apoio do Coletivo Cultural Esperança Garcia, do Coletivo Estopô Balaio e do Espaço Meninos da Billings.

“Na construção da videodança Corredeira, outros artistas passam a dividir conosco a autoria da obra, como Osmar Zampieri que assina a direção de vídeo e edição. Além disso, a presença dos espaços amplifica a dimensão do movimento para além do corpo e da ação da bailarina. O espaço também dança, incorporando ao trabalho outros significados”, explica Murilo de Paula, também diretor artístico da Nave Gris e que assina a codireção e dramaturgia da obra.

A temporada de “Corredeira” integra as ações do projeto “Mãos que bordam o tempo, pés que acordam o chão”, contemplado pela 27ª Edição do Programa de Fomento à Dança para a Cidade de São Paulo, que será encerrado com lançamento do livro ‘Acordar o Chão: dramaturgias em danças contemporâneas negras’, no dia 25/08. Todas as atividades são on-line e gratuitas.


O que: temporada do videodança Corredeira
Quando: 29/07 a 15/08, às 20h
Onde: canal do YouTube da Nave Gris

O que: Lançamento do livro ‘Acordar o Chão: dramaturgias em danças contemporâneas negras’
Quando: 25/08, às 20h
Onde: canal do YouTube da Nave Gris

Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Send this to a friend