Festivais/Mostras, Notícias

Festival de Dança de Joinville é adiado para outubro de 2021 em formato híbrido

A tão esperada vacina foi descoberta no final de 2020, mas, ao que tudo indica, no Brasil ainda iremos demorar a dar adeus ao vírus Covid-19. O resultado é que, pela terceira vez, a organização do Festival de Dança de Joinville precisou adiar a 38ª edição do evento, que, até então, seria no período de 20 a 31 de julho deste ano. Desta vez, a data proposta é de 5 a 16 de outubro de 2021.

A diferença no anúncio agora é que a proposta é realizar um evento híbrido, ou seja, com parte das atividades presenciais e parte online. A decisão foi comunicada pelo Instituto Festival de Dança (IFDJ), em conjunto com a prefeitura da cidade de Joinville-SC. “O Festival de Dança é um orgulho para Joinville. Por este motivo, a equipe técnica da prefeitura está colaborando com o Instituto Festival de Dança para elaborar um protocolo seguro, que deverá levar em conta o cenário futuro do enfrentamento da pandemia”, destacou o prefeito Adriano Silva.

A programação detalhada do evento está prevista para ser divulgada em agosto, mas eles adiantam que, para que o evento seja realizado dentro de um ambiente de segurança, será formado um Grupo de Trabalho coordenado pela Secretaria Municipal de Saúde de Joinville, com a participação da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo e IFDJ, para definir quais protocolos e medidas serão adotados durante a realização do evento.

“A realização do evento dentro das condições norteadas pelos órgãos de saúde será um presente para os participantes, fornecedores e cidade, simbolizando a recuperação, otimismo e prosperidade do setor cultural, artístico e de eventos”, afirmou Ely Diniz, presidente do Instituto Festival de Dança de Joinville.

Previous ArticleNext Article
Diretora do portal Dança em Pauta | Jornalista formada pela Universidade Tuiuti do Paraná, atuando na área desde 1997 como repórter, redatora e assessora de comunicação. Trabalhou em publicações segmentadas na área de entretenimento e cultura em Curitiba-PR, Maringá-PR e São Paulo-SP. Em 2010, lançou o portal Dança em Pauta com a proposta de empregar seu conhecimento em comunicação para divulgar a dança. É coautora do livro “200 anos de Dança de Salão no Brasil – Volume 4” (2012), organizado pelo pesquisador Marco Antonio Perna.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Send this to a friend