Ler, Ver e Ouvir, Livros

Escola Estadual de Dança Maria Olenewa completa 94 anos com lançamento de e-book

Nesta terça (27/04), a Escola Estadual de Dança Maria Olenewa (EEDMO), mais antiga e tradicional escola de formação em ballet clássico do Brasil, completa 94 anos e, para marcar a data, a instituição lança o e-book “Professores que Construíram Nossa História: Escola Estadual de Dança Maria Olenewa 94 anos”. A obra tem realização e pesquisa de Paulo Melgaço e Miguel Alves e está disponível para acesso gratuito nas redes oficiais do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, sede da escola.

“Estamos homenageando todos os professores que, nestes 94 anos, deram continuidade ao legado técnico, artístico e pedagógico deixado pela Mestra Maria Olenewa”, comenta o diretor da EEDMO, Hélio Bejani.

Desde 1927, graças aos esforços de sua fundadora Maria Olenewa, a EEDMO vem formando gerações e gerações de bailarinos que atuam nacional e internacionalmente na arte da dança. A escola, além de formar bailarinos com excelente qualidade técnica e artística, forma também cidadãos conscientes da importância da educação e da cultura na identidade de um país. A Escola conta atualmente com 280 alunos e todos têm acesso gratuito, com um elenco de professores de ponta da dança clássica do país.

“Para comemorarmos o aniversário de 94 anos da Escola Estadual de Dança Maria Olenewa, estamos homenageando todos os mestres que por aqui passaram e contribuíram para o desenvolvimento e a formação de milhares de alunos ao longo dos tempos”, destaca Paulo Melgaço, professor e pesquisador da Escola, pós-doutorando em Educação pela UFRJ.

A bailarina e professora da EEDMO, Liana Vasconcelos, aproveita a data para revelar o quanto a trajetória dentro da Escola foi fundamental para o desenvolvimento de estudos acadêmicos. Liana é Bacharel em Produção Cultural pela UFF, Mestre em Memória e Acervos pela Fundação Casa de Rui Barbosa/UFRJ e Doutoranda em Artes Cênicas pela UNIRIO, com pesquisa sobre o trabalho de pontas da professora Jacy Jambay.

“Trago neste breve texto uma reflexão sobre três palavras fundamentais ao pensarmos na importância de uma escola de formação em Ballet Clássico. São elas: memória, tradição e evolução. A memória, segundo Pollack, exerce um papel fundamental ao proporcionar o sentimento de continuidade necessário para a construção dos sentidos de pertencimento social, de um indivíduo ou de um grupo. Nós professores, ensinamos aos nossos alunos, ao longo dos seus nove anos de formação, a importância da valorização da memória de nossa escola e de todos aqueles que fizeram parte da história da mesma”, ressalta Liana.

Clique aqui para acessar o e-book

Previous ArticleNext Article
Diretora do portal Dança em Pauta | Jornalista formada pela Universidade Tuiuti do Paraná, atuando na área desde 1997 como repórter, redatora e assessora de comunicação. Trabalhou em publicações segmentadas na área de entretenimento e cultura em Curitiba-PR, Maringá-PR e São Paulo-SP. Em 2010, lançou o portal Dança em Pauta com a proposta de empregar seu conhecimento em comunicação para divulgar a dança. É coautora do livro “200 anos de Dança de Salão no Brasil – Volume 4” (2012), organizado pelo pesquisador Marco Antonio Perna.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Send this to a friend