Ler, Ver e Ouvir, Vídeos Indicados

Coletivos capixabas se unem em projeto de videodança

Conhecer para valorizar. A partir deste princípio o Coletivo Emaranhado e o Grupo Estirpe montaram o projeto de videodança “Vitória X Mucurici: Aproximando Saberes”, resultado da residência coreográfica na cidade de Mucurici (ES). Com a participação de mais de 25 profissionais, a ideia é estabelecer a ponte entre ambos grupos de dança, reconhecendo as trajetórias na dança e expandir o mercado de arte cênica capixaba.

“Nosso objetivo foi fomentar a discussão e o diálogo sobre as produções artísticas de espetáculos, cenas e composições coreográficas de grupos capixabas que estão em cenários culturais distintos, ainda que pertencendo à mesma cartografia capixaba. Colocamos em exercício um conteúdo programático por meio virtual e prático que une a atuação cênica, a direção teatral, a teoria e estética das artes cênicas e também a cenografia e coreografia”, explica Maicom Souza, um dos bailarinos participantes do Coletivo Emaranhado.

Foto: Bernardo Firme

Os grupos se conheceram em 2016, quando o Coletivo Emaranhado foi à cidade de Mucurici, na microrregião nordeste do Espírito Santos, a fim de apresentar o espetáculo Ser(Tão). A produção local era de responsabilidade do diretor do Grupo Estirpe, Fabrício Santos. A partir desse contato os grupos começaram a estreitar os laços e, de lá para cá, começaram a planejar uma parceria.

“A principal proposta do projeto ‘Vitória X Mucurici: Aproximando Saberes’ é proporcionar aos artistas um contato com diferentes públicos – o da Região Norte e o da Metropolitana no Espírito Santo – a fim de capacitar os participantes para a prática profissional ao utilizar a troca de experiências das práticas artísticas cotidianas de cada grupo”, define Maicom.

Além das videodanças “Ser (Tão)”, do Coletivo Emaranhado, e “Contando Histórias”, do Grupo Estirpe, também foram elaboradas rodas de conversas temáticas, oficinas, workshops e artigos acadêmicos. Este projeto foi idealizado por Maicom Souza, com realização da Bule Estúdio Criativo, com recursos da Lei Aldir Blanc, por intermédio da Secretaria de Estado da Cultura do Espírito Santo, direcionados pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo e pelo Governo Federal. O “Vitória X Mucurici: Aproximando Saberes” é um projeto aprovado no Edital de Seleção de Projetos e Concessão do Prêmio “Artes Integradas”.

Confira as videodanças:

Ser (Tão) | Coletivo Emaranhado

Contando Histórias | Grupo Estirpe

Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Send this to a friend