Espetáculos/Shows, Notícias

Clássico de Elis Regina e Tom Jobim embala estreia online da SPCD

Um banquinho e um violão – e as vozes inesquecíveis de Elis Regina e Tom Jobim – embalam a mais nova obra do repertório da São Paulo Companhia de Dança (SPCD), com estreia marcada para esta quinta (17/09), às 20h, e transmissão online gratuita, ao vivo, direto do Teatro Sérgio Cardoso, em São Paulo. A apresentação integra a Temporada 2020 da SPCD, com exibição única em tempo real nas redes sociais da Companhia e na plataforma #CulturaEmCasa.

Assinada pelo coreógrafo Henrique Rodovalho, Só Tinha de Ser com Você se vale da dança contemporânea para fazer uma sensível e singular releitura de músicas do clássico álbum Elis & Tom (1974), de Elis Regina (1945-1982) e Tom Jobim (1927-1994).

O bailarino Yoshi Suzuki, da São Paulo Cia de Dança, em cena de “Só Tinha de Ser com Você”. | Foto: Wilian Aguiar

Criada originalmente em 2005 para a Quasar Cia de Dança – uma das mais importantes companhias do país, idealizada por Rodovalho – a obra ganha em 2020 esta versão especial assinada por ele para a SPCD. Em acordo com os protocolos de segurança ora vigentes, as distâncias entre os bailarinos foram ampliadas e as relações entre eles passaram a se construir a partir de gestos e olhares, sem contatos físicos. “A coreografia está acompanhando o contexto atual, ela não está indiferente. E ouvir essas músicas traz também um certo conforto, um respiro para esse momento pelo qual nós estamos passando”, comenta Henrique.

As mudanças provocadas pelo enfrentamento ao Covid-19 também se refletem na Temporada da São Paulo Companhia de Dança como um todo. Obras que estavam originalmente previstas deram lugar a outras adaptadas à atual necessidade de distanciamento social, levando em consideração as medidas sanitárias vigentes e o convívio pessoal entre os bailarinos. O que prevaleceu foi a criatividade latente tanto dos artistas da casa quanto dos convidados, expostos ao desafio de explorar novos modos de se fazer dança, fazendo jus ao nome da Temporada 2020, batizada ainda no final do ano passado como “Permanência e Inovação”.

Além da estreia de Só Tinha de Ser com Você, o streaming da Temporada 2020 também traz novas obras que exploram outras possibilidades da contemporaneidade, como o duo Dualidade e o solo Objeto do Meu Próprio Desejo, assinados respectivamente pela dupla brasileira Mônica Proença e Jonathan dos Santos e o espanhol Esdras Hernández. Situados em países diferentes e convidados especialmente para estas criações, os artistas desenvolveram os processos criativos por meio de ferramentas de vídeo online.

A apresentação desta quinta também contempla obras já presentes no repertório da Companhia, como Instante, de Lucas Lima, e trechos de Gnawa, obra original de Nacho Duato.

“A Temporada 2020 da São Paulo Companhia de Dança se adapta às questões sociais e sanitárias provocadas pela Covid-19. O repertório contempla obras criadas especialmente para este momento, respeitando o distanciamento e o convívio pessoal dos bailarinos, o que permite um certo grau de contato físico. Os trabalhos de grupos que iremos estrear na temporada – como Só Tinha de Ser com Você, de Henrique Rodovalho – foram criados ou adaptados seguindo essas recomendações. E a participação dos bailarinos na escolha do repertório foi fundamental para que cada um se sentisse à vontade para este retorno aos palcos, que será transmitido de forma gratuita no meio digital, uma experiência única que promete levar a experiência das temporadas anuais da SPCD a um público ainda mais amplo”, ressalta a diretora artística e executiva da São Paulo Companhia de Dança, Inês Bogéa.

“Com a exibição online dos espetáculos da temporada 2020 da São Paulo Companhia de Dança, conseguiremos ampliar o acesso do público a um trabalho que se pauta pela excelência e assim cumprir nossa missão no contexto da pandemia”, afirma Sérgio Sá Leitão, secretário de Cultura e Economia Criativa de São Paulo.


O que: Temporada 2020 – São Paulo Companhia de Dança
Quando: 17/09, às 20h
Onde: YouTube e Facebook da SPCD | culturaemcasa.com.br
Quanto: gratuito
Programação:

  • Pas de Deux de Gnawa, de Nacho Duato
  • Dualidade, de Mônica Proença e Jonathan dos Santos
  • Objeto do Meu Próprio Desejo, de Esdras Hernández Villar
  • Instante, de Lucas Lima
  • Só Tinha de Ser com Você, de Henrique Rodovalho
Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Send this to a friend