Notícias, Universo da Dança

Cisne Negro Cia de Dança anuncia temporada 2022 do projeto “Dança nos Hospitais”

Em 2022, a Cisne Negro Cia. de Dança retoma o projeto “Dança nos Hospitais”, iniciado em 2016, que leva bailarinos profissionais de seu elenco para apresentações dentro dos hospitais, como forma de entretenimento para pacientes, acompanhantes, funcionários e médicos.

Este ano, os artistas apresentarão trechos do II Ato do tradicional espetáculo natalino “O Quebra Nozes” que, no próximo semestre, completa 39 anos no repertório do grupo. As apresentações acontecem em locais pré-definidos pelos hospitais, como saguão e auditórios, além de áreas de circulação como corredores, quartos e UTIs. O patrocínio desta edição do projeto é da Bayer, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

De 2016 a 2018, o “Dança nos Hospitais” percorreu inúmeros hospitais de São Paulo, Grande São Paulo e interior do estado. Com a retomada do projeto, 20 unidades hospitalares receberão as apresentações ao longo dos próximos meses.

“É um projeto altamente gratificante e inovador tanto para o público nos hospitais, como pacientes, familiares e médicos, como para a equipe Cisne Negro, pois temos a oportunidade de levar alegria e leveza, humanizando um ambiente tão carente de momentos únicos como estes”, ressalta Dany Bittencourt, diretora artística da Cisne Negro Cia de Dança.

Sobre a Cisne Negro Cia de Dança
Com 44 anos de muitas histórias, prêmios e incentivo à cultura no Brasil, a cia, considerada uma das melhores do país, foi criada pela saudosa bailarina e coreógrafa Hulda Bittencourt, grande dama da dança brasileira, que faleceu em novembro de 2021. Atualmente, dando continuidade ao sonho e paixão de Hulda, a cia segue sob os cuidados e olhar atento de Dany Bittencourt.

Previous ArticleNext Article
Diretora do portal Dança em Pauta | Jornalista formada pela Universidade Tuiuti do Paraná, atuando na área desde 1997 como repórter, redatora e assessora de comunicação. Trabalhou em publicações segmentadas na área de entretenimento e cultura em Curitiba-PR, Maringá-PR e São Paulo-SP. Em 2010, lançou o portal Dança em Pauta com a proposta de empregar seu conhecimento em comunicação para divulgar a dança. É coautora do livro “200 anos de Dança de Salão no Brasil – Volume 4” (2012), organizado pelo pesquisador Marco Antonio Perna.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Send this to a friend