Notícias, Universo da Dança

Carnaval paulista mistura samba com sapateado

O desfile das escolas de samba do carnaval paulista, neste sábado (18/02), trará mais uma vez para a avenida o “sambateado”, uma mistura do nosso samba com a técnica americana do sapateado desenvolvida pela coreógrafa, cantora, musicista e sapateadora Christiane Matallo. O sambateado foi apresentado pela primeira vez no desfile da Mocidade Alegre de 2008 e desde então é uma ala sempre presente nos desfiles da escola.

“Sou artista brasileira, com ginga, com malícia boa e sem medo de experimentar coisas novas. O sambateado é um pouco do que acredito, é um pouco de Brasil e é um pouco da vivência com outras culturas. É usar a linguagem do sapateado dentro de um corpo brasileiro que se movimenta e se agita com o ritmo binário e sincopado do samba. O corpo faz a melodia e os pés fazem o ritmo”, explica Christiane.

Em 2012, a novidade da ala coreografada por ela serão calçados que possuem uma fivela em forma de coração com luzes vermelhas de LED, que se acendem quando o sapato bate no chão, ao ritmo do samba-enredo. O projeto, intitulado “Pé Iluminado”, foi desenvolvido pelo engenheiro Paulo Mazzei, especialista em aviação civil.

Desfile da ala "Sambateado", pela Mocidade Alegre, no Carnaval 2009

Terceira escola a entrar na avenida neste sábado, este ano, a Mocidade Alegre homenageia o escritor Jorge Amado com o samba enredo “Ojuobá”, inspirado em seu livro “Tenda dos Milagres”. Cada um dos 11 “sambateadores” terá uma fantasia exclusiva, representando um orixá.

Previous ArticleNext Article
Diretora do portal Dança em Pauta | Jornalista formada pela Universidade Tuiuti do Paraná, atuando na área desde 1997 como repórter, redatora e assessora de comunicação. Trabalhou em publicações segmentadas na área de entretenimento e cultura em Curitiba-PR, Maringá-PR e São Paulo-SP. Em 2010, lançou o portal Dança em Pauta com a proposta de empregar seu conhecimento em comunicação para divulgar a dança. É coautora do livro “200 anos de Dança de Salão no Brasil – Volume 4” (2012), organizado pelo pesquisador Marco Antonio Perna.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Send this to a friend